Destaque

Dia de aventura no Alpen Park

Tem gente que adora fazer esportes radicais para jogar a adrenalina lá em cima. Eu, simplesmente, não sou uma dessas pessoas (rsrsrs). Mas, de vez em quando, dá a loka e eu resolvo fazer algo emocionante. Pois bem, na viagem à Gramado-RS, fomos ao Alpen Park (que fica aqui), que mais precisamente fica em Canela, que é pertinho de Gramado. Em uns 20 minutinhos de carro já se chega ao parque.

Além da montanha russa e outros brinquedos tradicionais, o parque traz a opção de turismo de aventura, entre eles: tirolesa, super salto, arvorismo etc. Você pode pagar a atividade específica ou o pacote. É só chegar lá e avaliar quais atividades você quer fazer. Os preços você encontra no site do parque.

Eu andei na montanha russa, fiz o super salto (17 metros de altura) e quase vou na tirolesa, mas o medo bateu e eu não consegui (rsrsrs).

Na hora de gravar o vídeo do meu salto, a memória do celular lotou, mas deu pra gravar o de uma amiga minha, Jacii Martins. Dá só uma olhada:

E ela, mais corajosa que eu, ainda foi na tirolesa. Esse post é mais dela que meu (rsrsrs). Segundo Jacii, a tirolesa vale muito a pena pelo visual. Já estava escurecendo quando fomos, mas, mesmo assim, dá pra ter uma ideia do visual. Não reparem no medo da minha voz respondendo pro rapaz no vídeo (kkkkk) e nem na qualidade do vídeo, foi feito com o celular.

Destaque

Viajar é preciso

Não sei você, mas eu amooooo viajar. E, desde criança (acreditem!!!), nutria uma enorme vontade de conhecer a Europa. Não nasci em família rica (três minutos de silêncio, por favor), então, só pude realizar este sonho aos 28 anos, depois de muito ralar, economizar grana e me livrar de algumas bolas de chumbo que estavam presas nos meus pés. Mesmo assim, não fui esbanjando grana e, na cara e na coragem, montei toda a viagem sem recorrer à agência.

No período que antecedeu a viagem, a internet foi de muita ajuda e é exatamente por isso que estou fazendo esta série de posts, para tentar ajudar pessoas que têm muita vontade de viajar por conta própria mas têm medo.

O de hoje vai ser uma lista das vantagens de fazer a viagem por conta própria:

1ª) Passei 20 dias viajando pela França (Paris e Giverny), Reino Unido e Itália (Roma e Florença) . Fiz orçamentos em algumas empresas de turismo e intercâmbio e uma viagem com essa quantidade de países, cidades e dias, estava saindo por 18 mil, sem as passagens. Pasme: 18 mil reais… Fazendo a viagem por conta própria, com a grana que levei pra gastar lá e passagem, gastei cerca de 12 mil. E poderia ter economizado mais se tivesse fechado os passeios daqui.

2ª) Não sei você, mas eu não gosto da vibe de viagem em excursão. Não gosto de ninguém me dizendo onde tenho que ir, quanto tempo tenho que gastar em cada local e, principalmente, que hora tenho que acordar. Trabalho acordando cedo o ano inteiro, pra ter regular as horas de sono nas férias também.

3º) Viajando por conta própria, você pode descobrir lugares que excursão nenhuma te levaria, como o restaurante indiano perfeito na nossa primeira noite em Londres. E fazer coisas como passar a tarde deitada na grama embaixo da Torre Eiffel, fazendo piquenique.

4º) Você pode combinar a viagem com amigos e fazer um grupo animado para curtir loucamente (kkkkkkkkk). No meu caso, fui com uma amiga e meu namorado. Lá, encontramos um amigo da minha amiga (rsrsrsrsr) e, assim, fechamos o grupo.

No próximo post, vou trazer as desvantagens que identifiquei de fazer a viagem por conta própria. Assim, você pode tirar suas conclusões.

Um dia no Pallazo Pitti, Florença, Itália
Um dia no Pallazo Pitti, Florença, Itália

Atriz dá pistas sobre possível sequência de Abracadabra

Quem viveu a infância ou a adolescência na década de 90 com certeza lembra do filme “Hocus Pocus”, mais conhecido por aqui como “Abracadabra”. Pois bem, os fãs têm aguardado uma sequência deste o ano de 1993 e parece que essa espera vai ter fim.

No ano passado, Bette Midler pediu aos fãs para enviarem pedidos à companhia Walt Disney para que o filme tivesse uma sequência. Agora, a atriz, de 69 anos, tuitou o seguinte: “@kathynajimy .@SJP Breaking news!! SEQUEL DELAYED!! @Disney having trouble finding a virgin! #HocusPocus”.

Algo como: “Sequência adiada!!! Disney está tendo dificuldades para encontrar uma virgem!”.

Agora, resta aguardar…

Meus youtubers preferidos

Quem nunca se perdeu no mundo de links a ponto de nem saber por onde começou? Os assuntos são os mais diversificados possíveis. E é isto que torna a internet tão especial. Tem lugar pra todo mundo, seja como produtor ou consumidor. Por isso, hoje, resolvi listar os cinco canais que mais gosto no Youtube. Claro que acompanho muito mais que cinco, mas os listados aqui são garantia de diversão e aprendizados.

1 – JoutJout Prazer

Pense em um canal diversificado. Sem firulas e grandes produções, Jout Jout discute coisas do nosso dia a dia. E aí você pensa: e por que raios vou assistir banalidades? Eu respondo: o ponto alto é justamente o olhar crítico e irônico com relação aos fatos cotidianos. Recomendo muito o “Vamos fazer um escândalo“.

2 – Aventuras Gastronômicas

Canal da minha amiga Ludimila Matos, que ama viajar e experimentar os sabores dos diferentes locais. Nos vídeos, ela traz de forma muito divertida receitas que ajudam a alegrar o nosso dia. Eu, que não sei cozinhar e nem me arrisco, assisto simplesmente porque os vídeos são lindos e muito bem feitos. Até tive a minha participação no canal (aqui).

3 – Karol Pinheiro: as coisas mais legais do mundo

A Karol não exagerou no título do blog, nem do canal. Realmente, ela sempre traz coisas muitos legais nos seus vídeos. Além disso, ela é bem simpática e muito “gente como a gente”. Você começa a assistir e quando espanta já se foram várias horas. Recomendo muito!

4 – Porta dos Fundos

Já li algumas críticas com relação ao canal, falando principalmente do preconceito em alguns vídeos. Compreendo as reclamações, mas, acho que eles acertam na maioria das vezes no tom sarcástico e hilário dos vídeos.

5 – A Costureirinha

A última dica é para quem gosta de costurar, como o nome do canal antecipa. A Elisa Dantas dá dicas super explicativas de como produzir suas próprias peças. Os vídeos são bem feitos e muito didáticos. Para quem é inciante no mundo da costura, vale muito a pena acompanhar.

Então, quais são os seus canais preferidos?

Produtos para a pele mista

Quando visitei Paris, conheci uma marca que vale muito a pena investir: a Yves Rocher. A dica é: compre lá se possível, porque aqui os preços são bem salgadinhos. Tenho a pele mista (oleosa na zona T e normal no resto do rosto), e uso dois produtos da marca que controlam bem a oleosidade ao longo do dia.

Primeiro, lavo o rosto com o gel de limpeza facial refrescante Hydra Vegetal (que pela internet custa R$ 45,00) e, depois, aplico o creme diurno para pele normal a seca Hydra Vegetal (que custa R$ 89,00). Este último hidrata sem deixar a pele oleosa, em pouco tempo, ele é absorvido completamente pela pele.

Os dois deixam a sensação de limpeza e frescor. Além disso, o cheiro é super gostoso.

Agora, para vocês terem uma ideia do quanto vale a pena comprá-los em Paris, paguei 6 euros por cada um deles. Calculem (hehehe).

OBS: Pra quem está com viagem marcada, comprei na loja que fica na Champs-Élysées. Lá, fizeram até um teste rápido para saber qual o meu tipo de pele e qual o produto mais adequado, de acordo com a textura, idade, oleosidade etc. Foram muito atenciosos.

CREME-DIURNO-PELE-NORMAL-A-SECA-HYDRA-VEGETAL-50ML-P67905O yves3006

Restaurante em Gramado

Em Gramado, não faltam opções de locais para comer uma boa e farta refeição. Mas como é sempre bom ter uma referência, aí vai a minha indicação: restaurante Di Pietro. Ele fica bem ao lado da Igreja Matriz São Pedro, no Centro de Gramado.

DSC06345

Na entrada, já dá pra ir experimentando uma cachaça para esquentar. Você tem duas opções de serviço, o livre, no qual você paga um preço fixo (R$39,90, por pessoa) e come o que quiser do buffet, e por peso. Eu fiz a opção por livre e não me arrependi. São muitas opções de saladas, carnes e sobremesas. Não deixe de experimentar o  entrecôte, que consiste na ponta do contra-filé, e é macio e suculento.

O toque especial do restaurante fica por conta da decoração que é sofisticada e rústica ao mesmo tempo. Dá só uma olhada:

wpid-20150612_135736.jpg

O único risco é se empolgar e acabar comendo um pouco demais. Olha só o “pratinho” do meu namorado:

DSC06343O restaurante tem, ainda, um buffet de sopas e cremes, que não cheguei a experimentar. Afinal, Gramado tem tantas opções de restaurantes legais que cada hora se quer comer em um lugar diferente. É uma cidade que vale a pena desbravar e se deliciar. Os posts sobre a cidade não vão parar neste. Aguarde que, em breve, trago mais dicas.

Sobre amar a si mesmo

Olhar para o espelho e se gostar não deveria ser uma tarefa tão árdua. Só que, diariamente, somos bombardeados com modelos, por vezes, impossíveis, e determinações do que bom e do que não é, do que é belo ou feio. Aí, o que deveria ser fácil se torna tão difícil.  Uma hora, desistimos de lutar e acabamos por fortalecer os mesmo estereótipos que nos solapam.

Eu, por exemplo, cresci em meio a vigilantes do peso, apelido carinhoso que eu dei a todas as pessoas da minha família que faziam questão de notar cada grama aumentado. Quando adolescente, achava estranho o fato de que todas aquelas atrizes lindas e maravilhosas, que apareciam nas revistas fitness, pesassem 10 kg a mais que eu, mesmo sendo bem mais altas… Enfim, cresci e comecei a encontrar coisas positivas no meu exterior. Nem todos os dias acordo me achando linda, mas todos os dias acordo sabendo que é o meu sorriso a parte mais bonita de mim…

E esta crença se fortalece cada vez que pessoas lindas como a Ju Romano surgem no mundo e topam posar para uma das revistas mais conhecidas por fortalecer um ideal feminino magro. Espero que este grande passo não seja esquecido nas próximas edições. Já passou da hora do jornalismo se mostrar mais crítico com o seu savoir faire.

Quem quiser ler o que a própria Ju escreveu sobre a capa é só clicar aqui.

Abaixo a capa:

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Para um dia de chuva

Cartaz: Divulgação
Cartaz: Divulgação

Um domingo de chuva, como hoje está sendo em São Luís, merece cama, edredom e filme gostoso. E a minha sugestão leva a palavra gostoso a outro patamar. O longa “A 100 Passos de um Sonho” foi lançado em agosto do ano passado e, com certeza, é fácil de encontrar para assistir. Dirigido por Lasse Hallström, o filme conta com a sempre impecável atuação de Helen Mirren.

A história se passa no sul da França, onde Madame Mallory (Helen Mirren) é a dona de um restaurante estrelado no famoso guia Michelin. Bastante controladora, ela passa a se preocupar quando um estabelecimento que foca na culinária indiana,  abre do outro lado da rua do seu empreendimento. A guerra entre os restaurantes vizinhos começa, em meio a isto, um romance se forma, e a troca de experiências entre duas culturas tão diferentes muda a vida de Mallory e de Hassan Kadam (Manish Dayal), filho do proprietário do restaurante indiano e que possui um talento ímpar para a culinária.

O que parece ser uma confusão, na tela, mostra-se uma história cativante, simples e que aquece a alma em um dia frio. A fotografia é belíssima e os pratos dão vontade de arrancar da película. Quem sabe você até se anime para preparar algo especial para a família neste domingo… No meu caso não rolou, porque a cozinha não gosta de mim… 😦 Confira o trailer do filme: